Projeto inédito de Cristiano Araújo será lançado este ano, com regravações exclusivas na voz do cantor e participações de grandes artistas

Neste domingo, 24 de janeiro, Cristiano Araújo, que já deixa saudades há seis anos, completaria 35 anos. Em homenagem ao legado do cantor, que deixou sua marca na história da música brasileira, a Som Livre presenteia o público com um projeto especial que trará um conteúdo musical inédito deixado pelo artista. 

Músicas não lançadas na voz de Cristiano Araújo e outras faixas do cantor ganharão regravações e feats com grandes nomes em um projeto especial. A Som Livre, junto ao produtor musical Blener Maycom e o pai de Cristiano Araújo, João Reis, estão realizando um “garimpo” de todo o conteúdo deixado pelo cantor para compor o repertório. No time de artistas convidados já estão confirmados Marília Mendonça, Jorge & Mateus, Zé Neto & Cristiano, o irmão do cantor, Felipe Araújo, e Bruno & Marrone. As gravações em estúdio começam nos próximos meses e o lançamento está previsto para o segundo semestre deste ano nas plataformas de música. Enaltecendo o projeto, todo o processo de gravação em estúdio será captado para um documentário. 

“O legado e as saudades deixadas pelo Cristiano são muito especiais, ele foi uma pessoa de muita luz e que transbordou felicidade por onde passou. Nossa homenagem através deste projeto, abraçado carinhosamente por sua família e artistas amigos, é uma forma de eternizar sua obra e permitir que suas músicas continuem tocando no coração do público”, declara Tatiana Cantinho, Head de Artístico & Repertório da Som Livre. 

Enquanto a produção ainda está no forno, para presentear os fãs nessa data especial, será exibida neste domingo (24), às 20h, a versão completa do DVD “In The Cities”, gravado ao vivo em Cuiabá no ano de 2014, no canal do Cristiano Araújo do YouTube – veja aqui. Nas plataformas de música, a Som Livre disponibilizou hoje uma compilação com os maiores sucessos do cantor, entre eles estão “Maus Bocados”, “Caso Indefinido” e “Cê Que Sabe”.

Elba Ramalho perde posto de grande estrela do São João após polêmica com Marília Mendonça

Se nos anos anteriores Elba Ramalho era a grande estrela do São João de Campina Grande, na Paraíba, o de 2018 tem outra história para contar. A cantora paraibana perdeu o posto de estrela na maior festa de sua tera natal depois da polêmica, no ano passado, com Marília Mendonça. Na época, Elba veio a público criticar o espaço dado aos artistas sertanejos na festa, em especial à estrela da sofrência, e chegou a dizer que não faria mais parte do roteiro da festa.

O resultado foi que, quando saiu a prévia da programação para este ano, o nome de Elba Ramalho não constava. Mas a cantora se articulou nos bastidores e conseguiu uma data. Foi assim então que ela se apresentou no último dia 17, data que tinha como atração principal Felipe Araújo, irmão de Cristiano Araújo. Mas a perda de prestígio ficou evidente. Elba sempre se apresentava no dia 23, véspera do Dia de São João. Fagner foi quem assumiu seu lugar na data considerada mais nobre da série de shows em Campina Grande.