Parada LGBT de SP ( A maior do mundo) terá 19 trios e espera público de mais de 3 milhões de pessoas

A organização da Parada do Orgulho LGBT de São Paulo espera um público de mais de 3 milhões de pessoas para a 23ª edição do evento, que acontece neste domingo (23) na capital,com concentração a partir das 10h em frente ao MASP, na Avenida Paulista,a madrinha do evento é Fernanda Lima e a apresentadora oficial é a Drag Queen Tchaka. O movimento é organizado pela ONG APOGLBT SP (Associação da Parada do Orgulho de Gays, Lésbicas, Bissexuais e Transgêneros de São Paulo).Serão 19 trios elétricos, um a mais que o ano passado, com atrações como a ex-Spice Girl Mel C, Iza, Luisa Sonza, Gloria Groove, Aretuza Love, Lexa, Mc Pocahontas e outros.

O prefeito Bruno Covas (PSDB) também lembrou o episódio envolvendo o comercial do Banco do Brasil que foi barrado pelo governo federal para falar sobre respeito à diversidade. 

“A Prefeitura participa da parada porque é uma obrigação do poder público não apenas proteger a nossa diversidade, mas também celebrar nossa diversidade. Nada mais atual que relembrar 50 anos de Stonewall. Exemplo de força, luta de direitos e respeito, num ano em que a gente vê diretor de banco ser demitido porque contrata atores da comunidade LGBTI”, disse.

De acordo com o prefeito, o efetivo de segurança para o evento será o mesmo do ano passado, com 60 viaturas e 300 homens da GCM, além de 80 bombeiros civis e 540 seguranças privados.

Anúncios