Dois filhos de Flordelis e de pastor são suspeitos de matar o pai para defender mãe após traição

A investigação do assassinato do pastor Anderson do Carmo de Souza, marido da deputada federal Flordelis (PSD), aponta que dois filhos do casal são suspeitos pela polícia de matar o pai. Uma das linhas de investigação é que eles teriam cometido o crime para defender a mãe, após descobrirem uma relação extraconjugal de Anderson. 

Durante o enterro, nesta segunda-feira (17), a polícia agiu discretamente e prendeu Flávio dos Santos, filho biológico apenas de Flordelis – a deputada e Anderson do Carmo registraram 55 filhos, a maioria, adotado. Flávio tinha um mandado de prisão por violência doméstica. 

Um outro filho do casal também foi preso. Lucas, de 18 anos, que é adotado, foi encontrado na casa onde o pastor foi morto. Quando era menor, ele se envolveu com tráfico de drogas. Lucas e Flávio prestaram depoimento durante esta tarde na Delegacia de Homicídios de Niterói sobre a morte do pai.

Flávio vai passar a noite da Delegacia de Homicídios e Lucas foi transferido para unidade do Degase, já que quando ele cometeu o crime por tráfico de drogas era menor de idade.

A deputada Flordelis rechaça a hipótese de que um de seus filhos seja o autor do crime: “Isso é ridículo, acusar alguém sem provas”. Ela acredita que o crime foi uma tentativa de assalto. “É nisso que eu acredito, que foi um assalto, e que ele morreu defendendo a família”, disse Flordelis durante o enterro.

A polícia informou que os criminosos fugiram do local sem levar nada. Investigadores revelaram também que os bandidos usaram toucas ninja e que doparam o cachorro da família antes do crime.

30 marcas de tiros no corpo

Anderson foi assassinado com pelo menos 15 tiros na madrugada de domingo (16), na garagem de sua residência, em Pendotiba, Niterói. O laudo do Instituto Médico Legal aponta que o corpo de Anderson tinha 30 perfurações, a maioria na região da virilha: nove. 

Oito disparos foram feitos na região do peito e 1 tiro na cabeça à curta distância. Segundo a polícia, essa informação aumenta a possibilidade de que o criminoso tenha atirado com a intenção apenas de matar o pastor.

Anúncios

Tiago Abravanel troca a Globo pelo SBT após pedido de Silvio Santos

O apresentador Tiago Abravanel deve deixar a Rede Globo, onde não deve renovar seu contrato atual, para ter um programa no SBT após pedido de seu avô Silvio Santos, de acordo com informações do “Blog do Fefito”, da Jovem Pan.

Segundo a reportagem, Silvio Santos entendeu que está na hora de seu neto assumir uma atração no SBT e sugeriu o desenvolvimento de um programa para ser assumido por Tiago.

Ainda segundo o ‘Blog do Fefito’, o apresentador deverá comandar um programa de reality show semanal sobre gastronomia que deve ir ao ar no próximo semestre.

Presidente do PSG dispara: “Ninguém obrigou Neymar a assinar conosco”

Na mesma entrevista à revista France Footballem que disse que não queria mais comportamento de celebridades no Paris Saint-Germain, o presidente do clube, Nasser Al Khelaifi, citou nominalmente Neymar. Mas lembrou que contratos devem ser respeitados – o vínculo do craque com o time francês vai até 2022.

– Quero jogadores dispostos a dar tudo para defender a honra da camisa e participar do projeto do clube. Aqueles que não querem, ou não entendem, nós vemos e conversamos uns com os outros. É claro que há contratos a serem respeitados, mas a prioridade agora é a total adesão ao nosso projeto. (…) Ninguém obrigou Neymar a assinar conosco. Ninguém o forçou. Ele veio conscientemente para participar de um projeto – disse o presidente.

Assassino disparou 13 tiros em Rafael Miguel e nos pais dele, aponta laudo

O comerciante Paulo Cupertino Matias, de 48 anos, disparou 13 tiros no ator Rafael Miguel e nos pais dele, aponta laudo necroscópico ao qual a TV Globo teve acesso com exclusividade. 

O crime aconteceu no domingo (9), no bairro Pedreira, na Zona Sul de São Paulo. Segundo a investigação, o homem cometeu os assassinatos por não aceitar o relacionamento entre sua filha, Isabela Tibcherani, e o ator. 

O documento indica que a maioria dos tiros atingiu o namorado da filha do assassino: sete (um na cabeça, um no peito, três nas costas e dois no braço esquerdo). 

O pai do rapaz, João Alcisio, foi atingido quatro vezes (um acertou o peito, dois o braço esquerdo e um o braço direito). A mãe, Miriam Miguel, foi atingida no peito e no ombro.

Paulo fugiu após atirar nas três vítimas. A polícia sabe que o criminoso utilizou ao menos dois veículos: um vermelho logo depois do crime e um escuro no dia seguinte. 

O carro vermelho foi achado na terça-feira (11) a cerca de 600 metros do local do crime. Ele foi apreendido e passou por perícia. Segundo a investigação, a placa é clonada. 

O outro veículo foi flagrado por uma câmera de segurança de um posto de gasolina na segunda-feira (10). Pelas imagens não dá para saber se havia outra pessoa dentro dele. 

Os investigadores já sabem que uma parente do criminoso pagou pelo combustível. O veículo foi localizado na sexta (14) e não está no nome dessa parente. A dona do carro disse que não conhece Paulo.

Tio de Isabela diz que ator e pais mortos eram de ‘rede de pedofilia’

O tio de Isabela Tibcherani, 18 anos, Joel Cupertino disse que o namorado da jovem, o ator Rafael Henrique Miguel, e os sogros dela foram mortos porque “estavam envolvidos com uma rede de pedofilia” e queriam “corromper a menina, prometendo que ia ser artista de televisão”.

De acordo com Joel, seu irmão, Paulo Cupertino Matias, matou o ator Rafael Henrique Miguel e os pais porque estavam se aproximando da menina com promessas de que ela participaria de novelas.

As declarações do homem foram dadas na manhã desta segunda-feira (10), à repórter Lilliany Nascimento, em reportagem do Cidade Alerta, da Record TV.

O pai de Isabela, Paulo, é apontado como autor do crime que vitimou o ator, famoso pelas participações em um comercial pedindo brócolis e na novela Chiquititas, e os pais dele, João Alcisio Miguel, de 52 anos, e Miriam Selma Miguel, de 50 anos, em frente a casa de Isabela, no bairro do Pedreira (zona sul de São Paulo).

De acordo com as investigações, desde a noite deste domingo, após a morte da família, o sogro de Rafael está foragido. Ele teria fugido em um Volkswagen Up da cor vermelha com a placa possivelmente clonada.

Cantor viraliza após só seus pais aparecerem em show e é convidado para se apresentar com Marília Mendonça

Um show gratuito na sua cidade, prepara tudo, e, no fim, só seus pais aparecem para assistir. Foi praticamente isso que aconteceu com o cantor sertanejo Gabriel Smaniotto na Fartal, a Feira de Artesanato e Alimentos de Foz do Iguaçu.

Na hora, ele levou tudo numa boa, fez o show mesmo assim e ainda brincou com o fato, postando um vídeo do momento nas redes sociais. “Obrigado pai e mãe por ser meu único público no show de ontem (e os bombeiros)”, escreveu Gabriel.

Como a vida é justa, o post logo viralizou no Twitter e chamou atenção de famosos como Tatá Werneck, Felipe Araújo e Marília Mendonça, que o convidou para um show! “AE GABRIEL, considere-se convidado a participar do meu show… Deus te abençoe! 🙌🏻, escreveu a cantora de “Ciumeira”.

“Já passei por isso muitas vezes. Fica aqui minha divulgação do seu trabalho Gabriel”, tuitou Tatá. Já Felipe disse: “Gabriel!! Nunca desista dos seus sonhos! No começo enfrentamos muitas barreiras, mas nada vence o trabalho! Pra cima parcero!!”. Até o MC Bin Laden se juntou à corrente de apoio: “No começo é sempre assim ! Não desiste irmão, tudo acontece no momento certo.”

Pelo stories do Instagram, Gabriel se comoveu com todos os incentivos e explicou mais sobre o que aconteceu. “Vocês que me seguem devem ter visto que eu postei que ia tocar na Fartal, que é a festa aqui de Foz do Iguaçu, do aniversário da cidade. [Só que] me avisaram muito em cima da hora. Me avisaram à tarde e o show já era à noite e, por uma série de fatores, aconteceu que não tinha ninguém no show. Tavam meus pais assistindo, algumas pessoas passaram mas acabaram não assistindo”, contou o menino.

“Com meus pais assistindo, então minha plateia tava ali e não tinha por que eu não fazer o show”, continuou. “Fiz o show, gravei o vídeo, dei risada junto com eles e postei esse vídeo no Twitter e a galera se sensibilizou muito. Foi muito legal mesmo e tá dando uma repercussão muito massa. Já passou de 35 mil curtidas (agora já são mais de 120 mil)”, disse Gabriel, que ganhou mais de 100 mil seguidores no Instagram.

O cantor ainda desabafou: “Porque, por mais que a gente leve isso na brincadeira, quem é músico ou quem trabalha com alguma coisa e se dedica, se prepara, e acontece uma situação dessas que é um tanto decepcionante, isso pesa no fundo. A gente tenta encarar da melhor maneira mas acaba pesando, então isso me ajudou muito. Quando eu vi todas as mensagens, todo o apoio, isso dá um animo muito legal. Queria agradecer todo mundo que mandou mensagem.”

Depois, ao ver o convite de Marília Mendonça, Gabriel escreveu: “Alguém me acorda? Sem acreditar ainda!” 

Wagner Moura diz estar com medo de voltar ao Brasil

O ator Wagner Moura está no Festival de Cinema de Sydney, na Austrália. 

Lá, ele concedeu entrevista ao jornal The Daily Telegraph e disse que está com receio de voltar para o Brasil

“Pela primeira vez na vida, senti que poderia estar em perigo”, declarou. 

Moura insistiu que não deixará suas preocupações com a segurança impedí-lo de voltar ao seu país, mas que isso pode mudar se “as coisas aumentarem ainda mais”.  

O ator de Tropa de Elite, onde interpretou o famoso Capitão Nascimento, dirigiu o filme Marighella, que conta a história de um guerrilheiro de extrema esquerda que lutou contra o regime militar no Brasil entre 1964 e 1985.