Aline Barros é processada por ex-assistente

A cantora gospel Aline Barros foi processada por uma antiga assistente por não pagar as comissões devidas de shows e trabalhos feitos pela funcionária. O resultado da ação ficou por conta de uma indenização de R$ 200 mil, mas a artista tenta se esquivar da obrigação judicial. O juiz da 21ª Vara do Trabalho determinou que Aline pagasse a quantia, mas a cantora tem oferecido crédito à ex-assistente em ações do marido Gilmar contra o Botafogo, time em que ele jogou. O processo pode ser consultado através do número 0100337-23.2016.5.01.0021.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s