Teatro | Vanessa Gerbelli e Alessandra Verney cantam os desejos e memórias dentro da prisão na peça Do Outro Lado

Com direção de Patrícia Pinho e participação especial e direção musical do pianista Miguel Briamonte, espetáculo cumpre temporada de estreia no Teatro Porto Seguro entre 27 de setembro e 26 de outubro
O musical Do Outro Lado se passa no pátio de uma prisão fictícia, onde duas mulheres e um pianista (Miguel Briamonte) fazem um espetáculo em homenagem a uma colega falecida há uma semana. Silmara (Vanessa Gerbelli) está pagando por um crime que diz não ter cometido e a cantora e musicista Diana (Alessandra Verney) é acusada pelo marido de tentativa de assassinato.
A peça, além de dramatizar as memórias, desejos e projeções das duas personagens, conta a amizade improvável que floresce entre elas em condições de escassez e solidão. A direção é de Patrícia Pinho e a direção musical é de Miguel Briamonte.
A estreia é dia 27 de setembro no Teatro Porto Seguro para temporada às quartas e quintas às 21h até dia 26 de outubro.
Essas duas mulheres pertenciam a realidades bastante diferentes antes de serem presas. Silmara foi encarcerada injustamente por assassinato, segundo a própria versão, há 10 anos. Divertida, fã de Raimundo Fagner e filha de uma professora de religião, foi separada precocemente de sua filha, que nasceu já na prisão. É um dos muitos talentos que nunca tiveram vez nos palcos.
Já Diana é uma talentosa ex-cantora da noite. Bem-nascida, depressiva e temperamental, casa-se com o “amor de sua vida” e passa a ter uma vida burguesa e pacata. Certo dia, encontra sinais de uma possível traição de seu marido e dispara contra ele ao flagrá-lo cometendo o adultério. O tiro pegou de raspão, ela foi presa por tentativa de homicídio e, desde então, aguarda seu julgamento.
A prisão é retratada metaforicamente pelo diretor de arte Gringo Cardia, que criou uma instalação em formato de um imenso coração e de um cadeado. A encenação procura evocar com sutileza a delicadeza e a paixão das almas femininas.
Com a ajuda especial do pianista Miguel Briamonte, Vanessa Gerbelli e Alessandra Verney interpretam em cena canções de Elvis Presley, Roberto Carlos, Raimundo Fagner, Olga Guillot, música gospel e outros sucessos do repertório nacional e internacional.
PATRÍCIA PINHO

Formada em artes cênicas pela Unirio (Universidade Federal do Rio de Janeiro), a atriz e diretora Patrícia Pinho fundou, em 2003, a Cia. Teatro do Nada, especializada na linguagem da improvisação. Em 2010, ganhou o prêmio APTR (Associação dos Produtores de Teatro do Rio), na categoria de “Melhor Atriz Coadjuvante”, pelo trabalho na peça “As Meninas”, de Maitê Proença e Luis Carlos Góes. Desde 2015, integra o elenco da nova versão do programa humorístico Zorra Total. Na TV, ainda participou da novela “Meu Pedacinho de Chão”, da temporada de “Malhação – Casa Cheia” e da série “Os Caras de Pau”.

VANESSA GERBELLI

Com uma carreira consolidada no teatro, na televisão e no cinema, a cantora e atriz paulista Vanessa Gerbelli é formada em artes plásticas pela Faculdade Belas Artes. Nas telinhas, participou recentemente das novelas “Novo Mundo” (2017), “Malhação” (2015-2016), “Sete Vidas” (2015) e “Em Família” (2014). Nas telonas, atuou nos filmes “Ela é o Cara” (2017), “A Hora e a Vez de Augusto Matraga” (2015), “Paixão e Acaso” (2012), “As Mães de Chico Xavier” (2011) e “Carandiru” (2003).

Alguns dos espetáculos teatrais de que participou são “Forever Young” (2017), “A Paixão Segundo Nelson” (2016), “Quase Normal” (2012) e “Emilinha e Marlene” (2011). Ela ganhou os prêmios Troféu Nelson Rodrigues (2016), Qualidade Brasil (2013), Bibi Ferreira (2013) e APTR (2013).
ALESSANDRA VERNEY

A atriz, cantora e compositora Alessandra Verney já conquistou o Prêmio Açorianos de Música como “Artista Revelação” em 1994. No teatro, já participou de vários musicais, como “Memórias de um Gigolô” (2015), “Alô, Dolly!” (2014), “Um Violinista no Telhado”(2012) e “Beatles Num Céu de Diamantes” (2009). Em 2015, ganhou os prêmios Shell (Rio), Cesgranrio de Teatro e APTR, todos na categoria de “Melhor atriz”, pelo trabalho no espetáculo “Kiss Me Kate – O Beijo da Megera”. Na televisão, participou da novela “Rock Story” (2016) e da série “Sexo e as Negas” (2015).
FICHA TÉCNICA

Texto de Vanessa Gerbelli

Direção: Patrícia Pinho

Supervisão De Direção: Amir Haddad

Atriz Convidada: Alessandra Verney

Atriz Substituta: Izabella Bicalho

Direção Musical e Part. Especial: Miguel Briamonte

Versão de “ Eu Só Quero Um Xodó” de Daniel Salve

Direção de Arte e Cenografia: Gringo Cardia

Iluminação: Paulo César Medeiros

Figurino : Marie Salles

Visagismo: Diego Nardes e Lucas Souza

Direção de Movimento: Flavia Rinaldi

Assistência de Direção: Alessandro Persan

Assistente de Designer Gráfico: Matheus Meira

Assistente de Cenografia: Jackson Tinoco

Assistente de Figurino: Renata Vasconcelos

Direção de Palco: Marcelo Gomes

Fotografia: Miriã Brasil e Kelson Spalato

Operação de Som: Rafael Caetano

Operação de Luz: Alexandre Bafé

Direção de Produção: Kauidea Produções Artísticas

Produção Executiva: Dea Martins e Vanessa Gerbelli

Apoio de Produção Ensaios RJ: Amanda Silva

Assessoria de Imprensa: Pombo Correio
SERVIÇO

“Do Outro Lado”, com Vanessa Gerbelli e Alessandra Verney

Teatro Porto Seguro – Alameda Barão de Piracicaba, 740 – Campos Elíseos

Temporada: de 27 de setembro a 26 de outubro

Às quartas e quintas-feiras, sempre às 21h

Ingressos: R$60 (plateia) e R$40 (balcão e frisas)

Duração: 508 lugares

Classificação: 14 anos

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s